Patrulha Mecanizada da Abapa finaliza manutenção na Estrada do Café

Publicado em: 8 de abril de 2016
Estrada do Café, Anel da Soja, município de Barreiras

Estrada do Café, Anel da Soja, município de Barreiras

Com mais de 500 km de estradas vicinais recuperadas, na região oeste da Bahia, o projeto da Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), Patrulha Mecanizada, finalizou, na segunda quinzena de março, a obra de manutenção de 58 km da malha viária da Estrada do Café, localizada no Anel da Soja, no município de Barreiras.

Há 36 anos, o motorista, Carlos Augusto, dirige pelas estradas vicinais da região, e afirma que já sofreu muito com as más condições das vias. “Com essas intervenções, a situação tem melhorado muito. A Estrada do Café eu conheço há muito tempo, ela esteve muito ruim nesses dias, e não é fácil passar por ela quando não está boa. Essa manutenção veio na hora certa, uma vez que está facilitando a nossa logística nesse período de escoamento de safra, onde o movimento é intenso”, disse o motorista.

Segundo o presidente da Abapa, Celestino Zanella, o projeto Patrulha, atua na conservação dos recursos naturais, além de garantir aos produtores e municípios, estradas em boas condições para a entrada de insumos, escoamento da produção e outras atividades relacionadas ao campo. “Logística sempre foi um dos principais problemas enfrentados pelos produtores. Com a recuperação das estradas vicinais, estamos minimizando mais um gargalo e promovendo a preservação do meio ambiente”, ressaltou Zanella.

Na Estrada do Café, o projeto conta com a parceria da Prefeitura de Barreiras e produtores da área. No dia 22 de fevereiro, foi celebrado o Convênio de Cooperação Técnica. “Essa é mais uma parceria entre a prefeitura e a Abapa, para uma ação que, trará grandes benefícios. A recuperação de estrada já tem sido uma das nossas prioridades de governo e sem dúvida, é de muita importância para o desenvolvimento econômico e social do município”, disse o prefeito de Barreiras, Antônio Henrique.

Dentro dessa parceria, a Abapa ficou responsável pela aquisição de máquinas, equipamentos, implementos e veículos destinados à execução do projeto, bem como, pela logística de mobilização e desmobilização da frota e manutenção da mesma, além do quadro de funcionários, como operadores de máquinas, motoristas e encarregado para a obra, enquanto que a Prefeitura de Barreiras, foi a responsável por todo o combustível para a execução da obra, e os produtores rurais associados, beneficiados pela recuperação da linha, com as despesas referentes à alimentação dos trabalhadores, alojamento, fornecimento de água para a execução da obra.

Em 2014, a Abapa, através do Patrulha Mecanizada, em parceria com a Prefeitura de Barreiras e produtores da linha, realizou o trabalho de recuperação na Estrada do Café – o mesmo trecho que acaba de passar por manutenção -, quando foi recuperado 58 km.

Meio Ambiente – Visando a conservação dos recursos naturais da lavoura de algodão e escoamento da produção, a ação melhora o escoamento da produção e promove a preservação do meio ambiente, pois através das intervenções ocorrerá maior controle da erosão do solo, por meio da infiltração das águas pluviais no lençol freático, contribuindo para a diminuição na sua perda ao longo do tempo.
Desde a sua criação, o Patrulha Mecanizada da Abapa, já construiu cerca de 3.700 bacias de captação de água pluvial, 3.600 desvios laterais de água e 300 terraços. Em 2015, o Projeto Patrulha Mecanizada recuperou cerca de 300km. Para 2016, a meta é recuperar mais de 300km, totalizando cerca de 800km, desde a criação do projeto.
Além das parcerias firmadas com produtores e prefeituras municipais, o projeto conta com os recursos provenientes do Instituto Brasileiro do Algodão (IBA).

Próxima estrada – A próxima estrada a receber manutenção da Patrulha Mecanizada será a Estrada Alto Horizonte, localizada no município de Luís Eduardo Magalhães. Com previsão para iniciar ainda em março, a obra contemplará um trecho de 45 quilômetros.

Ascom Abapa

Compartilhar:
;