Apoio aos pequenos agricultores familiares

 

Doação de kits de irrigação complementar para pequenos agricultores do Sudoeste e Oeste da Bahia, garante renda e continuidade da produção.

Para dezenas de famílias de pequenos produtores das regiões Sudoeste e Oeste da Bahia, um simples hectare irrigado faz uma diferença e tanto. Ajudar esses agricultores a garantir o sustento, mesmo quando as chuvas são escassas, tornou-se uma prioridade da Abapa. A entidade criou o projeto de Apoio aos Pequenos Agricultores Familiares, que disponibiliza, gratuitamente, kits de irrigação suplementar que são usados, a depender da região beneficiada, para o plantio de algodão ou de culturas diversas.

A ação começou na safra 2014/2015 e visava apenas aos cotonicultores do Sudoeste da Bahia, região que já foi sinônimo na produção de algodão na no estado. Com o tempo e o sucesso da iniciativa, comunidades agrícolas familiares do Oeste também passaram a ser contempladas, só que, nestas, os cultivos são outros, como as hortaliças e as frutas, negociadas nas feiras e comércios locais.

A irrigação, para os pequenos produtores, é a certeza de ter produção, de alcançar produtividades melhores, e, consequentemente, elevar a remuneração, nas áreas onde os índices de pluviosidade são baixos e as chuvas, irregulares.

A cotonicultura do Sudoeste da Bahia, que já ocupou lugar de grande destaque na produção brasileira, foi praticamente dizimada, a partir dos anos de 1980, com a chegada ao Brasil do bicudo-do-algodoeiro e pela compactação dos solos pelo uso da grade aradora, muito recorrente modelo produtivo existente antes dos anos 2000. O resultado foi que, além da redução drástica da área de algodão, a produtividade se manteve em patamares muito pequenos, quando comparada ao Oeste da Bahia.

Este polo, contudo, é muito importante para a produção baiana, e, como tal, tornou-se prioritário na atenção da Abapa, integrando os núcleos do Programa Fitossanitário da associação. Além do sistema de irrigação simplificado, os beneficiários do projeto também contam com a orientação técnica do Programa Fito, para monitoramento e controle de pragas e doenças do algodoeiro.

O Sudoeste foi o ponto de partida do Programa de Apoio aos Pequenos, na safra 2014/2015. Desde então, a introdução da tecnologia de irrigação tem ajudado não apenas a viabilizar a produção de muitos cotonicultores regionais, como já é sentida no aumento da produtividade nas lavouras, que tem alcançado índices superiores a 200 arrobas de algodão em capulho.

Desde o início do projeto até maio de 2022, foram mais de 300 kits doados, em municípios como Brumado, Candiba, Carinhanha, Guanambi, Iuiu, Igaporã, Lagoa Real, Malhada, Palmas de Monte Alto, Pindaí, Urandi, Sebastião Laranjeiras, Rio do Antonio, Tanhaçu e Serra do Ramalho.

 

No Oeste da Bahia, os kits de irrigação são direcionados para outras culturas que não o algodão. Isso porque a cotonicultura que se pratica no cerrado baiano é de porte empresarial e altamente tecnificada, condição para que o algodão pudesse prosperar, adaptando-se às características do bioma.

Os pequenos agricultores do Oeste, portanto, vivem de outros cultivos, como frutas, feijão, mandioca, hortaliças, abóbora, dentre muitos. Como essas lavouras são de ciclo mais curto que a do algodão, a irrigação permite a rotação de culturas e a implementação de mais de uma safra ao ano, o que significa liquidez monetária ao longo do ano, importante para o dia a dia das famílias.

Desde que a iniciativa foi implementada neste polo, já foram doados cerca de 80 kits de irrigação suplementar, em municípios como Barreiras, São Desidério e Correntina. Os módulos variam de tamanho, de acordo com a necessidade das comunidades e famílias beneficiadas. A tecnologia permite às famílias diversificar a produção e dar novos passos na verticalização.

Relatórios:

Relatório de Implantação dos Kits de Irrigação 2020/2021 – Barreiras

Relatório de Visitas Técnicas na Implantação dos Kits 2020/2021 – Correntina

Relatório de Instalação e Resultados 2021 – São Desidério

Relatório de Instalação e Resultados 2020 – São Desidério

Relatório de Doação de Feijão 2018/2019 – Barreiras

Relatório de Visitas Técnicas Apoio a Pequenos Produtores de Correntina – 2019

 Matérias:

Doação de kits de irrigação transforma vida de pequenos produtores

Mais produtividade e renda para agricultores familiares de Riachão das Neves

Abapa doa kits de irrigação para pequenos agricultores de São Desidério

Kit de irrigação doado pela Abapa ajuda a garantir renda semanal para a comunidade de Areião, em Santana

Abapa doa kits de irrigação para pequenos produtores rurais de Barreiras

Kits de irrigação incrementam produção de alimentos no Oeste da Bahia

Compartilhar:
;